05/04/2021 13:17

Pandemia de covid-19 nas comunidades será tema do Abril Indígena UFPR 2021; veja programação acadêmica e cultural

Ações abrangem homenagem a duas mulheres indígenas, uma delas vitimada por covid-19, e apresentação de iniciativas de combate à desinformação sobre vacina nas aldeias. Live de abertura será nesta terça (6) pelo YouTube

A Universidade Federal do Paraná (UFPR) promove uma série de atividades virtuais neste mês de abril com intuito de dar visibilidade à atuação dos povos indígenas, reafirmando sua presença na instituição. É o “#AbrilIndígenaUFPR2021”, que neste ano traz programação com eventos sobre vida, cultura e arte indígena. A live de abertura do evento está prevista para esta terça-feira (6), às 18h30, com transmissão pelo canal de eventos da UFPR no YouTube (acesse aqui: https://www.youtube.com/EventosUFPRTV) e contará com a apresentação do evento realizada por estudantes indígenas da universidade.  

Segundo a organização, o evento coloca na agenda da universidade diferentes aspectos da vida e das produções indígenas, e funciona como momento para a reivindicação e luta pelos direitos destas populações, assim como para dar visibilidade às expressões artísticas e intelectuais dos povos indígenas no Brasil.  

Na sua edição de 2021, realizada de forma totalmente virtual, o Abril Indígena UFPR propõe uma programação que aborda tanto aspectos cruciais dos efeitos da pandemia nas comunidades indígenas, especialmente do Paraná, quanto constitui um meio de divulgação das atuações de profissionais e artistas indígenas no campo da arte e da cultura. 

Além de extensa programação acadêmica e cultural, o evento trará as homenagens a duas mulheres indígenas: Bernaldina José Pedro e Indiamara Saliane Mendes. Bernaldina, conhecida como Vó Bernal, vítima da covid-19, era do povo Macuxi, residente da Terra Indígena Raposa Serra do Sol (RR), curandeira, artista e grande conhecedora dos cantos macuxi. Indiamara, do povo Kaingang, era médica formada na UFPR e atuava no Hospital Regional do Litoral. 

Sobre o Abril Indígena UFPR

As alunas e alunos indígenas na UFPR têm um papel protagonista e decisório no desenvolvimento da programação do evento e participam ativamente nas atividades. Dessa forma, o evento é, também, uma ocasião para ampliar e fortalecer as conexões entre estudantes e as comunidades e organizações às quais se vinculam, e que reverbera as contribuições indígenas na construção de uma universidade que se quer cada vez mais inclusiva e plural.

O Abril Indígena UFPR 2021 é uma iniciativa da Universidade Federal do Paraná, com organização realizada através da parceria de diferentes instâncias da UFPR: Pró-Reitoria de Extensão e Cultura (PROEC-UFPR), Coordenadoria de Cultura (COC-UFPR), Museu de Arqueologia e Etnologia (MAE-UFPR), Museu de Arte da UFPR (MusA-UFPR), PET Litoral Indígena e Laboratório de Interculturalidade e Diversidade (LaID/Setor Litoral-UFPR), Núcleo Universitário de Educação Indígena (NUEI-UFPR) e Superintendência de Inclusão, Políticas Afirmativas e Diversidade (SIPAD-UFPR). 

SERVIÇO
"#AbrilIndígenaUFPR2021 – Vida, Cultura e Arte”
Quando: Durante todo o mês de abril, confira a programação do evento. 
Onde: Redes Sociais da UFPR @ufpr_oficial @proecufpr| @maeufpr| @museudeartedaufpr | @culturaufpr| @pet_indigena| @sipad.ufpr 
Sem necessidade de inscrição

Programação completa: https://www.ufpr.br/portalufpr/noticias/veja-a-programacao-do-abril-indigena-ufpr-2021-que-aborda-a-pandemia-nas-comunidades-lancamento-nesta-terca-6/
Contato para esta matéria: Camille Bropp  Telefone: (41) 33605158  
Creative Commons License
Conteúdos licensiados sob uma Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil.
Baseada no trabalho de www.comunicacao.ufscar.br
« voltar
Sistema de Apoio à Comunicação Integrada (SACI) ícone do SACI - Copyright© 2009-2019 UFSCar